Desfaçatez/desfazimento

Já viste que as aves não se repetem
a não ser na plumagem trocada,

no adorno, no vento que sobra
sob as asas, na chuva respingada.

São iguais a sempre.
Mas no voo não.

Mesmo a queda prevista,
o mergulho ou a caça

mudam,
porque o mundo muda.

Havia um galho nessa árvore
ontem? Quebrou-se.

Já viste os galhinhos no chão?
Eram sua casa. Hoje, não..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s