Naturezas

Nuvens sempre há tantas
quanto decisões precipitando-se.

Mas tantas pedras, francamente,
são impensadas.

No fundo do mar
há uma montanha delas
acotovelando-se.

Tudo ou nada lhes aconteça,
seguirão para sempre
acotoveladas.

Por certo artifício da natureza,
nem nunca elas morrerão.

Por causa de uma insabida ciência,
terão vivido em perpétuo repouso.

Mas as nuvens,
cuja vida inteira é só um momento,
resistem o quanto podem
sem discernimento.

Todas as suas decisões são precipitadas.
Tudo o que têm a oferecer: a precipitação.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s